Significados do mundo do crime para adolescentes em medida socioeducativa de internação, Brasil

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Vinicius Coscioni http://orcid.org/0000-0003-4007-957X Bruno Graebin de Farias http://orcid.org/0000-0002-7323-8621 Edinete Maria Rosa http://orcid.org/0000-0003-4279-8308 Silvia Helena Koller http://orcid.org/0000-0001-9109-6674

Resumen

O objetivo deste estudo é investigar significados atribuídos ao mundo do crime por adolescentes em medida socioeducativa de internação. Os participantes do estudo foram 25 adolescentes (15 a 19 anos) do sexo masculino internados em quatro unidades socioeducativas nos Estados do Rio Grande do Sul e Espírito Santo, Brasil. Foram realizados dois grupos focais em cada Estado, interpretados por Análise Temática. Os significados expressos pelos participantes revelaram que a vinculação ao mundo do crime atende a necessidades de segurança econômica, fortalecimento da identidade pessoal, reconhecimento social, senso de pertencimento e proteção física, consistindo em um processo de resiliência oculta. A compreensão das perspectivas dos adolescentes sobre o mundo do crime pode informar práticas de atendimento capazes de atender necessidades materiais e simbólicas e prevenir riscos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

##submission.howToCite##
COSCIONI, Vinicius et al. Significados do mundo do crime para adolescentes em medida socioeducativa de internação, Brasil. RLCSNJ, [S.l.], v. 17, n. 2, p. 1-20, jul. 2019. ISSN 2027-7679. Disponible en: <http://revistaumanizales.cinde.org.co/rlcsnj/index.php/Revista-Latinoamericana/article/view/3790>. Fecha de acceso: 24 ago. 2019
Sección
Segunda Sección: Estudios e Investigaciones